(11) 2306-7795 segunda à sexta das 8h às 18h. Verifique a disponibilidade da sua marca clique aqui para abrir o formulário de pesquisa

contatos
fale conosco (11) 2306-7795
envie uma mensagem [email protected]
pesquisa de marca clique e faça uma pesquisa gratuita
menu

Blog

Registro de Marcas Internacional!

16 de janeiro de 2020

 

Internacionalize Sua Empresa. Registro de Marcas Internacional!

 

Vá Além das Fronteiras, Abra Novos Mercados!

 

 

Se você é empreendedor e vem mantendo um nível de crescimento sustentável nos últimos anos. Com certeza estas perguntas já devem ter passado pela sua cabeça.

 

Como Internacionalizar Minha Empresa? Como Registrar Minha Marca em Outros Países?

 

Se ainda não passou, com certeza passará, nem que seja somente por curiosidade.

 

Seja sua empresa de serviços ou produtos, afinal vivemos em um mundo globalizado onde as distâncias estão cada vez mais curtas.

 

Muitas empresas prestadoras de serviços como Coachees  ou Consultores de diversas áreas, aproveitam a proximidade do idioma com outros países que também falam o português.

 

Afinal,

 

Atualmente, o português é língua oficial de oito países (Portugal, Brasil, Angola, Moçambique, Guiné-Bissau, Cabo Verde, São Tomé e Príncipe, Timor Leste).

 

Por que não aproveitar?

 

Alguns empreendedores já perceberam esta oportunidade e já estão expandindo seus negócios.

 

 Segundo um estudo realizado pela Rede de Centros Internacionais de Negócios (Rede CIN), da Confederação Nacional da Indústria, o número de empresas exportadoras brasileiras cresceu 60% nos últimos 20 anos.

 

Quando o empreendedor olha para o mercado externo, e decide dar este passo, há muitos detalhes que precisam ser levados em consideração, pois serão fundamentais no sucesso desta nova fase.

 

Como agir, vai depender de vários fatores, o fato de sua empresa ser de serviços ou produto acabado vai te levar por um caminho ou outro.

 

  • Se você presta algum tipo de serviço, como consultoria por exemplo

 

Tem a facilidade de divulgar seus serviços através das redes sociais, ou publicidade no Google de forma simples e rápida com um investimento baixo.

 

Poderá prestar os serviços de forma remota e estar frente a frente com o seu cliente através do Skype, Zoom ou alguma outra ferramenta de videoconferência.

 

  • Se você é fabricante

 

Há Alguns Pontos Iniciais a analisar

 

São eles:

 

Análise da situação da empresa:

 

Financeira: será necessário ter uma certa estabilidade nas finanças pois alguns investimentos serão necessários.

 

Qualidade e Processos Internos: é fundamental que a empresa já tenha bem definido e siga normas de qualidade bem estritos com procedimentos claros alinhados com toda a equipe.

 

Produção, Embalagem, Fornecedores: dependendo do que você fabrica, você precisa saber se os seus fornecedores poderão te atender no caso do aumento da demanda, e se eles também atuam dentro das normas e padrões de qualidade internacionais.

 

Ou seja, você precisa estar com “a casa bem arrumada”, antes de dar este passo.

 

  • Outro ponto fundamental é o Registro da Marca

 

Como já falamos em outros posts nas nossas redes, o registro da marca é fundamental para você garantir os seus direitos sobre ela.

 

Se já é importante no mercado interno, imagina no externo

 

O Registro  Internacional de Marcas,  irá garantir a exclusividade de sua marca mesmo fora do Brasil.

 

Neste momento, surgem muitas dúvidas.

 

  •         O que fazer?
  •         Como fazer?
  •         Preciso registrar minha marca em todos os países para os quais irei exportar?

 

No dia 02 de outubro de 2019, o Brasil aderiu ao Protocolo de Madri, com esta adesão, o interessado poderá requerer o registro de sua marca ao mesmo tempo para diversos países com um único processo, em um único idioma e em uma só moeda.

 

 O INPI criou um painel de navegação, com instruções passo a passo, sobre como fazer o depósito do pedido internacional de marcas,.

 

Isto além de facilitar e muito a vida do empreendedor internacional, também reduzirá os custos iniciais.

 

Como é feito o pedido internacional pelos usuários nacionais?


O depósito é eletrônico.

 

Primeiramente, assim como hoje acontece para o depósito nacional, o requerente deverá pagar a Guia de Retribuição da União (GRU), nesse caso para o serviço de certificação (provável código 3004 a ser confirmado com a tabela de retribuição que será publicada nos próximos meses).

 

Em seguida, ele deverá preencher, em inglês ou em espanhol, o formulário MM2 no E-marcas, sistema também usado no depósito nacional que buscará facilitar o preenchimento e evitar erros de preenchimento pelo usuário.

 

Os demais pagamentos relativos ao pedido internacional serão realizados diretamente à OMPI, podendo inclusive ser pelo site da OMPI onde o usuário poderá usar diferentes formas de pagamentos com gerenciamento on-line. (Fonte INPI).

 

Conheça também a lista atualizada dos países membros do Protocolo de Madri.

 

 Quanto ao Como Fazer?  

 

O melhor caminho sempre será através de especialistas, que poderão esclarecer todas as dúvidas e solicitar o registro de forma correta evitando atrasos e correções. Solicite uma pesquisa . 

 

Mas claro, como já mencionado, você poderá fazer diretamente no site do INPI.

 

Se quiser entender melhor o passo a passo para o registro de marcas, leia também o nosso post Como Registrar Uma Marca.

 

  • Você também precisará solicitar o Radar

 

Radar é a Habilitação para utilizar o Siscomex deverá ser  providenciado previamente junto à Secretaria da Receita Federal do Brasil.

 

Sem ele você não poderá realizar nenhuma importação ou exportação.

 

Você também terá como alternativa, operar através de uma Trading Company, neste caso não precisará de Radar, pois a documentação de embarque, será emitida em nome da Trading.

 

Qual a melhor opção?

 

Vai depender de cada caso, e da frequência que você irá exportar ou importar.

 

Estes são apenas alguns dos itens importantes que devem ser observados com cuidado quando o empreendedor olha para o mercado internacional.

  

Será necessário Planejamento

 

Um bom planejamento é fundamental para definir estratégias e esclarecer dúvidas como:

 

  •         Quais países podem ser mercados mais interessantes para o seu produto?

 

  •         Qual o melhor caminho para chegar aos clientes potenciais?

 

  •         Participar de feiras ou buscar um Representante ou Distribuidor local?

 

Para esclarecer estas dúvidas, consulte o Guia de Comércio Exterior e Investimento, Invest & Export Brasil, lá você encontrará muitas informações importantes sobre  exportação e importação e material de apoio ao Exportador que vai com certeza te ajudar a começar a entender melhor sobre este tema.

 

Achou interessante?  Gostaria de saber mais detalhes?

 

Entre em contato com nossos Consultores, será um prazer atendê-lo e esclarecer todas as suas dúvidas.

Últimos artigos
Posso Usar Meu Nome Como Nome da Marca?

02 de setembro de 2020

Será que posso usar o meu nome ou sobrenome como nome da marca? Se usar meu nome de batismo para […]

Continue lendo
Prioridade no Pedido de Patentes Para Startups

12 de agosto de 2020

Startups Já Podem Solicitar Prioridade no Pedido de Patentes   Se você tem uma Startup e gostaria de aproveitar a […]

Continue lendo